Comunicação

| Notícias

NOTA AO CONSUMIDOR

Sindicombustíveis-PE

 - 

20/10/2020

Os postos revendedores de combustíveis comunicam ao público em geral que o preço do produtor do biodiesel sofreu na data de 16/10/2020 mais uma inadmissível majoração de preços no leilão promovido pela ANP.

Com mais esse aumento praticado pelos produtores, o biodiesel subiu de R$ 2,7130/litro em maio/2020, para o inimaginável valor, na data de hoje, de R$ 5,5806/litro (média Brasil ANP). Esses sucessivos aumentos já provocaram inúmeros reajustes no preço final do óleo diesel comercializado nas bombas dos postos. Com o novo aumento do leilão da ANP, mais um reajuste no preço ao consumidor deverá ocorrer a partir de novembro/2020.

Este Sindicato deseja deixar claro para os consumidores que o preço do diesel puro custa na refinaria R$ 1,9952/litro (sem o ICMS), enquanto o biodiesel foi comercializado no leilão por R$ 5,5806/litro (sem o ICMS). Significa que, com a mistura obrigatória de 11% de biodiesel ao diesel puro, o consumidor pagará um custo adicional de R$ 0,3585/litro. Trata-se de uma alta parcela, especialmente se considerarmos que o biodiesel tem poder energético menor que o diesel mineral puro.

A sanha por exagerados lucros imposta pelas grandes multinacionais produtoras de biodiesel parece não ter limites. Esperemos que as autoridades brasileiras encontrem uma forma rápida e eficiente para evitar esse verdadeiro assalto ao bolso do consumidor de diesel, em especial dos caminhoneiros, que têm no combustível seu maior custo.

Veja outras notícias